terça-feira, 13 de outubro de 2009

Dúvidas e devaneios de uma dama

Ando meio sem certezas...
Não sei se quero ir para a direita, nem ao menos sei pra qual lado é a direita.
Não sei quero ficar aqui parada, quieta em meu canto ou se quero sair gritando coisas que pensava jamais dizer.
Estou em dúvida se tenho certeza e tenho certeza que estou em dúvida
Tenho umas teorias, umas experiências e uma vida toda para experimentar, acertar e principalmente errar
Tenho uma grande dúvida que pode se tornar um tormento, mas tenho certeza que a dúvida hoje pode ser melhor que o fracasso amanhã
Tenho dúvida se vou publicar este texto e duvido ainda mais que vou me desfazer dele
Um coração com dúvida pode tomar decisões? Tenho dúvidas quanto a isso também
Se as pessoas soubessem que não existe apenas uma verdade, que tudo é maior do que imaginamos, talvez algumas das dúvidas fossem incorporadas e nem ligássemos mais para elas.
Enquanto tiver dúvidas vou vivendo os mesmos passos. Quando decidir, sigo para o passo adiante.
Agora, apesar de ainda ter dúvidas quanto a isso, vou encerrar o texto.
A próxima etapa é saber se deve o onde deve ser publicado.

8 comentários:

Andressa Xavier disse...

Por um momento achei que eu mesma tivesse escrito. hehe

Ari Pheula disse...

As dúvidas sempre nos rodeando...
É a vida.
=)

Cíntia disse...

Querida... dúvidas fazem parte do crescimento da gente! Se a vida fosse feita só certezas não teria graça...e muito menos ansiedade, coração acelerado, noites mal dormidas...
Sabe, por mais que a ansiedade da gente não permita, as dúvidas são aliadas do tempo, por mais que a gente esperneie.
Te adoro muito!

Elisandra Borba disse...

não sabia que minha chefe lia esse blog. oÔ

Edinho Lumertz disse...

Eu não tenho mais a cara que eu tinha
No espelho essa cara já não é minha......É que quando eu me toquei achei tão estranho......Será que eu falei o que ninguém ouvia? Será que eu escutei o que ninguém dizia? Eu não vou me adaptar.(Nando Reis).

@_-¯Cristiano Quaresma¯-_@ disse...

Cada qual com seu ínfimo Universo,
estamos e somos neste plano
justamente com o propósito de
transcender dúvidas em certezas,
no caminho para a evolução
moral e espiritual...
Se sua jornada se apresentasse
sem obstáculos, dúvidas e fardos,
a vida não teria sua graça!
E assim se segue...
NAMASTE!

Natacha Kötz disse...

Tô chocada com teu texto. Parece triste :(

Ana Carla Martins disse...

Perfeito texto! Incertezas e dúvidas fazem parte...Procuramos incessantemente por pistas e respostas que nos direcionem para um caminho "certo"...e no final, sabemos que tudo vai depender das nossas escolhas, certas ou não.

Bjos com gosto de certezas, dúvidas(rs), superação e de boas escolhas!